Ocorreu um erro neste gadget

Perguntas sem Respostas



PERGUNTAS SEM RESPOSTAS
(Daniel FV - 11/01/08)

O que pensar quando temos
que analisar possíveis fracassos
a noção perfeita dos passos
necessários à nossa jornada...


o que tens que saber...
quando a noite escurece o dia...

quando a sua mais plena alegria
é a mais singela risada

Como matar a angústia
dessa nossa dúvida eterna
dessa questão sempre interna
cuja resposta é infundada

Nada tens que saber...

esse fardo é muito pesado

a luta é o aprendizado

de onde conclui-se nada...


então tente entender

que o mapa da mina rasgou...

e a ampulheta que o tempo contou...

na verdade era uma cilada

O hoje não foi o ontem, nem jamais será o amanhã...

todo dia temos o HOJE...


Ruminanças II

Ultimamente venho desencanando...

o que era certo já parece uma alternativa,
o que parecia errado está passível de avaliação...
Acho que é a eliminação dos resquícios de rebeldia...
entrega? não!
entrega, jamais...
talvez esteja tornando interno algo que sempre exteriorizei...
é incrível como meu convívio com opiniões bem estabelecidas
me faz repensar a minha própria opinião,
mesmo quando eu concordo!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

aprendi a adotar o meio termo como saída para toda
e qualquer situação...
minhas verdades são MINHAS verdades,
e não significam absolutamente nada
para o resto do MUNDO...

Me sinto feliz e sereno pensando assim...

viva a mente aberta...
morte às opiniões automáticas...